•  Carrinho€0.00 
    O seu carrinho está vazio!

    Artigos adicionados recentemente

    MANUEL AROUCA

    Nasce em 1955, em Moçambique.
    1984 – É editado o seu primeiro romance Filhos da Costa do Sol, um importante bestseller da literatura portuguesa.
    1986 – Licencia-se em Direito pela Faculdade de Direito de Lisboa. Deixou mais tarde a advocacia, optando pela escrita de livros, guiões para televisão e produção de documentários.
    1992 – É o autor e produtor de um documentário sobre a vida de Eusébio.
    1997 – Converte-se a peregrinar para Fátima.
    1999 – Autor do documentário Mistérios de Fátima, produzido pela Valentim de Carvalho.
    2000 – Escreveu a telenovela Jardins Proibidos, a primeira telenovela portuguesa a bater as audiências das novelas da Globo então dominantes.
    Até 2010 – Escreveu mais sete telenovelas, duas séries, e o romance Deixei o Meu Coração em África, que vai na 12.ª edição e foi apresentado pelo actual presidente da República, professor Marcelo Rebelo de Sousa.
    2010 – Dedica-se a um documentário, em seis episódios, sobre a devoção a Nossa Senhora de Fátima no mundo, concluído em 2013, e agraciado com uma carta do Papa Francisco a elogiar o trabalho.
    2013 – É autor d’O Anjo Surfista, livro lançado no Brasil – já na 6.ª edição –, baseado na vida de Guido Schaer, um surfista, médico e seminarista no Rio de Janeiro, que está em processo de beatificação.
    2014 – É autor de mais uma telenovela, a sequela dos Jardins Proibidos.
    2016 – É editado o livro Jacinta – A Profecia, biografia romanceada da futura santa de Fátima. O livro, que vai na 3.ª edição, foi também editado na Polónia.
    2017 – Tendo como base a pesquisa que fez para o livro Jacinta – A Profecia, é autor da minissérie e filme Jacinta, produzido pela CORAL, com muito boa bilheteira. Manuel Arouca faz parte do Secretariado Nacional do Movimento da Mensagem de Fátima.

      Mais de MANUEL AROUCA